quarta-feira, 22 de novembro de 2017

AVALIAÇÃO: 5/5 EDITORA: QUADRINHOS NA CIA., CORTESIA ISBN: 9788535929119 GÊNERO: HQ, FANTASIA, INFANTOJUVENIL PUBLICAÇÃO: 2017 PÁGINAS: 56 SKOOB

Para quem ainda não conhece Hilda, a aventureira garota de cabelos azuis, deixe-me apresentá-la.

Hilda vive numa casa de madeira, junto com a mãe e sua raposa branca de estimação. A cidade mais próxima da região em que vive chama-se Trolburgo e, até então, a casa mais próxima à sua, é a casa do lenhador, onde vive um estranho homem de madeira.

Nesse segundo volume, Hilda e sua mãe vêm recebendo ameaças por meio de cartas  enviadas por seres possivelmente minúsculos e invisíveis que querem que elas abandonem a moradia. Tentando combater essas intimidações e em meio a uma tentativa real de despejo, Hilda vê ao longe um estranho gigante, que logo desaparece.

Diante de tamanha vulnerabilidade, a mãe decide que será melhor a filha ter a oportunidade de estudar numa escola e fazer amigos normais na cidade. Horrorizada com a possibilidade de abandonar sua liberdade na natureza e tudo o que chama de lar, Hilda implora para que ambas permaneçam na casa que foi construída por seu bisavô. A mãe, porém, não vê outra alternativa a não ser dar um ultimato: se Hilda conseguir fazer amizade com esses pequenos moradores, elas ficam, caso contrário, terão que se mudar.

A partir daí, o inesperado encontro com Alfur e diversos outros acontecimentos impulsionam Hilda a descobrir de onde surgiu o misterioso gigante, provando que ela é mesmo muito inteligente e astuta para resolver enigmas e decifrar mistérios.

O selo Quadrinhos na Cia é o responsável por nos trazer mais essa divertida história da personagem do inglês Luke Pearson. Assim como mencionei em minha primeira resenha, “Hilda e o Troll“, essa edição também está perfeita, em capa dura, cada detalhe impressiona. Entretanto, as cores estão mais fechadas e a quantidade de páginas aumentou um pouco, de 40 para 56 nessa obra.

Este slideshow necessita de JavaScript.

É fácil perceber que Hilda está crescendo, o tom do cabelo está num azul um pouco mais escuro, há pintinhas em seu rosto, talvez sejam espinhas. Meu amor é dedicado inteirinho ao colorido e a Hilda que conhecemos no primeiro livro, mas é impossível não se interessar pela esperteza da garota e novos detalhes que Pearson vai nos fazendo conhecer conforme nos aprofundamos na vida dela. Um exemplo disso são os Woffs, animais fofos que voam, parecem nuvens em formas de ursos, no primeiro volume eles aparecem sutilmente em algumas das ilustrações, já em Hilda e o Gigante são finalmente nomeados e tem uma participação ativa na história.

Apesar da história em quadrinhos acabar rapidamente, a cada relida mais um pormenor é descoberto. Pearson, além de criar muitos seres interessantes, traz outros que estão amplamente relacionados à cultura nórdica, ou seja, dos países do Norte da Europa, sendo eles Dinamarca, Finlândia, Islândia, Noruega e Suécia. Ao fim do livro, encontramos uma grande ilustração com diversos gigantes antigos, seus nomes e origem.

Já sabemos que Luke Pearson lançou outras aventuras de Hilda, por isso aguardemos pela publicação do Grupo Companhia das Letras. A notícia bombástica que aguardaremos impacientes para 2018 é o lançamento de uma série pela Netflix. :-O


Conheça os títulos da série Hilda:

1. Hilda e o Troll (2017)

2. Hilda e o Gigante (2017)

Sobre o autor
Nara Dias 32 anos (22/12) – São Paulo Pós graduada na USP em Ética, valores e cidadania na escola, atua como professora de informática e robótica para crianças de 4 a 11 anos. Também com especialização em Libras - Língua Brasileira de Sinais, participa da comunidade surda da região onde mora, na Baixada Santista. Seu perfil no Skoob com mais de 1200 livros lidos, mostra sua paixão pelo gênero infanto-juvenil, onde capa, ilustração e tipo de impressão interferem muito em suas escolhas.


Deixe uma resposta

  1. domingo, 26 de novembro de 2017.

    Olá, tudo bem?
    Adorei a resenha! Não conhecia o livro e achei perfeito para trabalhar com crianças. Preciso de mais dicas assim! Parabéns pela resenha e por nos apresentar livros que saem um pouco do tradicional nos blogs! Dica anotadíssima!
    https://www.facebook.com/colecionando.romances/

  2. domingo, 26 de novembro de 2017.

    Olá!
    Tem tanto tempo que não leio quadrinhos que estou por fora dos lançamentos. Gostei bastante do desenrolar dessa trama e mais curiosa ainda por saber que se tornar uma adaptação para o Netflix.
    Vou aguardar pra assistir!
    Beijos!

  3. domingo, 26 de novembro de 2017.

    Olá, tudo bem? Que legal esta história em quadrinhos, não conhecia ainda. Fiquei bem curiosa pra ler os livros do autor. PS: que legal que irá sair série 😉

    Beijos,
    https://duaslivreiras.blogspot.com.br/

  4. domingo, 26 de novembro de 2017.

    Oi Nara,
    estou encantada pela edição e pelas ilustrações. Que trabalho lindo. Não é para minha idade, mas com certeza é uma ótima opção para presentear. Vou procurar. Parabéns pela resenha.
    bjs.
    Pri.
    http://nastuaspaginas.blogspot.com.br/

  5. domingo, 26 de novembro de 2017.

    Oiee ❤
    Uau, adoreiii a capa da hq e a premissa, já quero ler urgentemente. E fico ainda mais ansiosa sabendo que vai ter série na Netflix. kkk Bela resenha, amei.
    Bjos, Bia! ❤

  6. segunda-feira, 27 de novembro de 2017.

    Oi Nara que demais essa resenha menina, fiquei apaixonada e fiquei feliz de saber que existe essa belezinha, deve ser incrível trabalhar com crianças também! ótima dica e quero para mim também ahahaha
    Beijinhos

  7. segunda-feira, 27 de novembro de 2017.

    Amei a resenha e queria muito poder resenhar esses quadrinhos! A história parece ser muito interessante e a qualidade gráfica também. Gostei muito da dica 🙂

  8. segunda-feira, 27 de novembro de 2017.

    Oii! Faz tempo que não leio quadrinhos e me deu um pouco de saudades haha. Adorei a sua resenha e achei a história bem interessante. Fiquei curiosa para saber como será o desenrolar dessa história. Obrigada pela dica, bjss!

  9. terça-feira, 28 de novembro de 2017.

    Oi Nara, que delícia de leitura! E ainda bem que vamos ter outros exemplares de Hilda. Quero um para mim!
    Bjs, Rose

  10. terça-feira, 28 de novembro de 2017.

    Olá!! 🙂

    Eu nunca tinha ouvido falar destas historias da Hilda, mas fiquei curioso. Ainda bem que gostaste e que trouxeste a opinião!

    Acima de tudo, acho ótimo que se vao descobrindo mais pormenores a cada releitura do livro!

    Boas leituras!! 😉
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

  11. segunda-feira, 4 de dezembro de 2017.

    Hey!
    Gosto bastante de livros infantojuvenis para distração, amo ver o gráficos. Acho incrível e também a história. Adorei sua resenha e espero um dia conhecer essa história da Hilda.

    Haulisson, Menino Livros.

  12. quinta-feira, 14 de dezembro de 2017.

    Olá, tudo bem? Ah que coisa maravilhosa <3 É um universo que estou mais desmembrando por agora fiquei encantada com os traços, com o que se trata a história. Já vou procurar saber mais do primeiro volume <3 Adorei mesmo <3
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

Comentários no Facebook

%d blogueiros gostam disto: