AVALIAÇÃO: 4/5 EDITORA: CIA DAS LETRINHAS, CORTESIA ISBN: 9788574067209 GÊNERO: HISTÓRIA, INFANTOJUVENIL PUBLICAÇÃO: 2016 PÁGINAS: 48 SKOOB

O Egito Antigo passo a passo é fascinante,  minha escolha por esse título uniu meu desejo de me aventurar em conhecer um pouco mais a fundo essa cultura, além de desafiar meu gosto literário, arriscando ler estilos aos quais não estou acostumada e também desmistificar quem diz que um livro didático é desinteressante e monótono.

O selo Claro Enigma, do Grupo Companhia das Letras lançou essa rica edição. As ilustrações foram feitas por Aurélien Débat e além de muitas delas estarem extremamente divertidas, deram um peso ainda maior ao material produzido pela arqueóloga e egiptóloga Aude Gros de Beler, famosa por seu trabalho meticuloso na área, além da publicação de mais de quinze outros títulos sobre o assunto.

O livro está dividido em quatro partes:

 O Egito e seus homens – mostra um pouco sobre deuses, faraós famosos, o trabalho dos sacerdotes, a difícil vida dos soldados, os artesãos e a classe mais baixa na sociedade egípcia, os agricultores.

 O trabalho no Vale do Nilo – nos surpreende ressaltando as dificuldades dos agricultores, principalmente por causa dos impostos, criação dos animais, pesca, caça, mineração e ciências.

– A vida cotidiana – casas e jardins, refeições, hierarquia familiar, vaidade, educação, música, dança, lazer e vida após a morte.

– Férias no Egito – relata o que podemos ver hoje no país como pirâmides, templos, descobridores famosos e museus para visitar.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A edição possui sumário e também uma página com a cronologia egípcia. No final há um teste com 16 perguntas e gabarito para conferência, além de um glossário.

“As jovens dançarinas usavam, como única vestimenta, um cinto em volta do quadril.”

Fiz a leitura rapidamente, a escrita está bem simples, interessante e fácil de entender, tem diversos quadrinhos destacando curiosidades.

Você sabia?

“No Egito, os sapatos não tinham a mesma utilidade que têm para nós. Por incrível que pareça, eles eram reservados para atividades em ambientes fechados. Na rua, era de bom-tom retirar as sandálias para caminhar, levá-las na mão e calçá-las ao chegar ao destino.”

Sem dúvida foi uma leitura excelente, porque muitas informações eram desconhecidas para mim, como por exemplo: a contagem dos inimigos mortos ao término das batalhas, quando os soldados egípcios cortavam uma mão de cada corpo, para depois o escriba fazer a contagem ou ainda o erro no calendário solar, que compreendia apenas os 365 dias e  ignorava um quarto de dia.

“A tumba de Tutancâmon era muito diferente das outras (…) Apenas quatro salas arrumadas às pressas (…) Apesar do tamanho reduzido, os arqueólogos inventariam ali mais de 3500 objetos (…) se tornou o mais conhecido de todos os faraós egípcios. No entanto, ele  não  teve um reinado glorioso.”

Conheça os outros títulos da coleção Passo a Passo:

Sobre o autor
Nara Dias 31 anos (22/12) – São Paulo Pós graduada na USP em Ética, valores e cidadania na escola, atua como professora de informática e robótica para crianças de 4 a 11 anos. Também com especialização em Libras - Língua Brasileira de Sinais, participa da comunidade surda da região onde mora, na Baixada Santista. Seu perfil no Skoob com mais de mil livros lidos, mostra sua paixão pelo gênero infanto-juvenil, onde capa, ilustração e tipo de impressão interferem muito em suas escolhas.


Deixe uma resposta

  1. segunda-feira, 13 de março de 2017.

    Oi, Nara ^^
    É muito bom nos desafiarmos a ler outros gêneros de livros pois assim evitamos a tão maléfica intolerância. Quem não aceita isso na vida cotidiana também não deve aceitar na questão de escolha dos livros pois se não é uma tremenda hipocrisia escancarada.
    O enredo dessa obra é muito interessante. Meu conhecimento é quase nulo do Egito e saber mais sobre a sua história e o modo de vida do povo é motivador. Conhecer outras culturas é lindo!
    Obrigado por me apresentar a essa obra, Nara. ^^
    Bjs

  2. terça-feira, 14 de março de 2017.

    Olá ! Nossa que lindo livro. Didático sim! mas pelo que vi cheio de cultura. Pra encantar jovens e adultos sem dúvidas. Contei muito da postagem. bjs

    Bia Oliveira

    http://entrepaginasemuitashistorias.blogspot.com.br/

  3. terça-feira, 14 de março de 2017.

    Olá! É sempre bom se aventurar em novas cultura, mesmo que seja pela literatura. Que bom que a leitura foi excelente para você. Não conhecia, mas já está na minha listinha de leitura. Além de conhecer novas culturas adoro fazer curiosidades e livros com ilustrações. Beijos’

  4. terça-feira, 14 de março de 2017.

    Rica edição mesmo, amei e vou comprar para minhas sobrinhas. Cia das Letras é uma das editoras que mais amo e confio nas publicações.

  5. quarta-feira, 15 de março de 2017.

    Nossa que bacana tanto conhecimento e que linda toda a parte gráfica o que facilita e estimula muito a leitura dos pequenos.

  6. quarta-feira, 15 de março de 2017.

    Olá!
    Uau..adoro coisas sobre o Egito. Sempre me chama atenção.
    Fiquei abismada com as curiosidades, jamais faria ideia que eles não usam sapatos na rua kkkk
    Ótimas dicas!
    Beijos!

  7. quinta-feira, 16 de março de 2017.

    Mesmo a faixa indicativa não seja pra mim, eu gostei demais desse livro. Sério, ele parece ser simples, mas ao mesmo tempo, rico em informação. Fora que é de um lugar que eu adoraria conhecer <3 amei a dica!

  8. quinta-feira, 16 de março de 2017.

    Não conhecia essa Coleção, mas parece bem rica!! As crianças devem adorar, as ilustrações são bem chamativas. 💖

    bjs

  9. quinta-feira, 16 de março de 2017.

    Oi!
    Nem li esses títulos ainda é já me apaixonei por eles haha. Adoro adquirir conhecimento sobre o que for e por isso livros assim me fascinam, já que nos possibilitam a oportunidade de conhecer diversos povos e culturas sem sair do lugar. Pela sua resenha a leitura vale muito a pena e ficou claro que a editora caprichou na edição.
    Beijos!

  10. sexta-feira, 17 de março de 2017.

    Oi, tudo bem?
    Não é um livro que eu leria no momento, mas achei bem legal que ele trás novos conhecimentos!
    Bjs

  11. domingo, 19 de março de 2017.

    Oi, Nara, tudo bem?

    Ahhh, que gracinha de livro e de coleção! A proposta parece bastante infanto-juvenil e sinto falta de ler coisas assim. Eu iria adorar ler, porque gosto bastante de História e adoro saber curiosidades das culturas já extintas. Adorei as ilustrações <3
    Acho que eu também descobriria muitas informações novas (ou já esquecidas das aulas do ensino médio).

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

Comentários no Facebook

%d blogueiros gostam disto: