segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

capa-persepolis

AVALIAÇÃO: 5/5 EDITORA: QUADRINHOS NA CIA , CORTESIA ISBN: 9788535911626 GÊNERO: HQ PUBLICAÇÃO: 2007 PÁGINAS: 352 SKOOB

Persépolis sempre esteve na minha TBR, mesmo eu não sabendo sobre o que a HQ se tratava. Só ouvia recomendações boas e tinha uma vontade muito grande de ler a obra, meio que do nada. Minhas expectativas estavam altas e não fui decepcionado.

Na HQ, Marjane  Satrapi retrata sua vida, desde sua infância, e como foi crescer no Irã em meio à guerra e à toda a repressão que as mulheres sofrem devido à cultura do local. Logo de cara, não tem como não se apegar à protagonista e já se interessar em devorar a HQ e saber de toda a história. O jeito dela, principalmente na infância, de relatar tudo ao seu redor te deixa triste de pensar em uma criança passando por aquilo, mas, ao mesmo tempo, é fofo e faz rir.

Acompanhamos a protagonista até sua vida adulta e vemos os mais diversos momentos da vida dela. Marjane passou por muitas dificuldades provindas da guerra e ela retrata tudo isso de forma muito crível, afinal, foi ela que passou por tudo aquilo. Esse é um dos fatores que deixam a HQ tão incrível: ela é a pessoa que mais tem propriedade para falar sobre isso tudo.

Foto: Lucas Zeferino / Viagens de Papel

Foto: Lucas Zeferino / Viagens de Papel

Ao mesmo tempo que profunda, o humor se mostra presente na forma como a autora conta a história. Algumas tiradas, principalmente durante a infância da protagonista, me arrancaram boas risadas e me obrigaram a parar a leitura para rir.

Foto: Lucas Zeferino / Viagens de Papel

Foto: Lucas Zeferino / Viagens de Papel

Persépolis HQ que é divertida, comovente, empoderadora e que vai permanecer com você mesmo depois de finalizar a leitura. Imperdível!

Foto: Lucas Zeferino / Viagens de Papel

Foto: Lucas Zeferino / Viagens de Papel


Sobre o autor
Lucas Zeferino


Deixe sua opinião

Seu email não será publicado.



*

Comentários no Facebook