terça-feira, 25 de outubro de 2016

AVALIAÇÃO: 5/5 EDITORA: GALERA RECORD, CORTESIA ISBN: 9788501106698 GÊNERO: JOVEM ADULTO, LITERATURA BRASILEIRA PUBLICAÇÃO: 2016 PÁGINAS: 240 SKOOB

Boa noite é o primeiro romance da catarinense Pam Gonçalves, que possui um  canal de vídeos no Youtube, onde fala sobre o universo literário de maneira geral. Antes desse, a autora havia participado da coletânea de contos O amor nos tempos de like, com a história Próximo destino: amor. Quando veio a notícia do lançamento deste, não pensei duas vezes antes de solicitar.

Alina é uma jovem que acabou de sair do Ensino Médio e passou para uma faculdade de Engenharia de Computação numa cidade vizinha a que ela morava com seus pais. Desde sempre tinha a imagem de ser estudiosa e nerd, o que acabava fazendo com que não possuísse muitos amigos. Com a entrada na faculdade, a garota espera reiniciar sua vida novamente, apagando do passado tal impressão. Ela vai parar na República das Loucuras, junto de Talita, Manu, Gustavo e Bernardo. Nas primeiras semanas seu plano vai muito bem, até quando seu nome vai parar numa página de fofocas e sua vida vira de cabeça para baixo. Será que há tempo ainda para mudar e voltar atrás?

Ler Boa noite foi um eterno prazer. Desde o primeiro momento, identifiquei-me profundamente pela história, lembrando-me de minhas vivências. Alina passa pelo que já passei e muitos outros: a doce alegria (ou não) de estar num ambiente acadêmico. Festas, azaração, estudos, pessoas de todos os estilos e uma rotina totalmente diferente a esperam numa universidade. Tal como Alina, vim de uma cidade pequena diretamente para cidade grande e o espanto foi um pouco grande ao entrar na faculdade. Digo até hoje que tive um choque cultural diante do que estava acontecendo. Apesar de tudo, acabei me acostumando.

Acredito que Pam conseguiu transformar de maneira tranquila e fluida as experiências e novos universos de uma caloura. Arrisco supor que muitas das situações foram da própria Pam. Além disso, a autora trouxe questões muito importantes que permeiam o ambiente da universidade, como o “abuso sexual” e o “machismo”. Não esperava isso da história, o que foi uma surpresa e extremamente gratificante. Pam colocou os seus personagens em situações que muitas universitárias passam no seu cotidiano, sendo que as vezes não conseguem expor o que acontece com elas por medo do que a sociedade irá pensar.

Os caminhos da história são inesperados, tal como o desfecho. Pam consegue fechar a história deixando o leitor com um gostinho de quero mais. Dei boas risadas com o livro, principalmente com as cenas envolvendo Manu, suspirei de amor por certo casal que não vou dar spoilers e vibrei com o final: nem preciso dizer mais nada e afirmar que o livro ganhou meu coração e se tornou favorito, não é mesmo? Façam um favor a si mesmo e vão ler, porque realmente vale a pena!


Sobre o autor
Lucas Kammer Orsi
Lucas Kammer Orsi

Estudante de História. Vê nos livros uma maneira de fugir da realidade e encontrar um pouco de aconchego do cotidiano tão corrido. Potterhead, se emociona fácil com romances, mas não deixa de lado um bom suspense, de viver uma aventura e dá gargalhadas com um chick-lit. Está sempre com suas séries atrasadas, mas isso não o impede de sempre começar mais uma. Amante da música pop, é grande fã de Taylor Swift.



Deixe uma resposta

  1. quinta-feira, 27 de outubro de 2016.

    Apesar de ter gostado de sua resenha e ter notado sua excelente avaliação sobre o livro, fiquei na dúvida sobre querer ler o livro… Acho que no fundo serei sempre uma nerd, jamais querendo parecer com a turma dos descolados.

Comentários no Facebook

%d blogueiros gostam disto: