AVALIAÇÃO: 4/5
EDITORA: Pixel, Cortesia
ISBN: 9788555460159
GÊNERO: HQ. Quadrinhos
PUBLICAÇÃO: 2016
PÁGINAS: 56
Skoob

A história do filme em quadrinho

Como boa fã de animações que sou, fui uma das que assistiu – e adorou – o filme Frozen, da Disney. Quem assistiu também já deve saber da linda história de amor fraternal e superação que esta animação contém, além dos personagens cativantes e dos excelentes efeitos gráficos… então, devem imaginar que linda ficou a graphic novel do filme, lançada pela Pixel! O livro é lindo, com ilustrações muito bem feitas e com toda a história do filme contada em suas páginas… vale a pena conhecer!

Elsa e Anna são princesas de um reino chamado Arendelle. Elsa tem o poder de criar gelo e neve com suas próprias mãos, e as duas meninas se divertem a valer com isso em sua infância… porém, um acidente acontece, e Anna um dia é atingida por este poder! Os pais das meninas conseguem salvá-la, mas para a segurança da irmã – e de todo o reino -, Elsa se afasta, e mantém o seu poder devidamente escondido… o tempo passa, os pais das garotas morrem em um acidente, e chega o momento da coroação de Elsa como rainha de Arendelle; na cerimônia, Elsa acaba se descontrolando, e acidentalmente libera seu poder, congelando todo o reino! Ela foge e se isola mais uma vez; mas, desta vez, Anna não vai deixá-la sozinha! Ela parte em uma jornada para salvar a irmã e acabar com o inverno em Arendelle, mas acaba passando por bem mais perigos do que esperava… será que o amor entre as duas irmãs será suficiente para passar por todas as provações que as aguardam?

Foto: Patrícia Algayer/Viagens de Papel

A graphic novel é linda, com ilustrações perfeitas, super detalhadas e com grande semelhança à animação do filme; a capa dura e com aplicação de verniz localizado é um espetáculo à parte, as folhas internas são de excelente gramatura, e a fonte usada nos quadrinhos é de um tamanho excelente para a leitura.

Foto: Patrícia Algayer/Viagens de Papel

A história do filme conseguiu ser bem aproveitada nos quadrinhos, e fornece uma boa leitura mesmo para quem não conhece a trama… só achei um pouco resumida demais, e este é o motivo pelo qual não dei nota máxima à obra! Senti falta principalmente do Olaf, que aparece no livro, mas não tem todo o potencial de “roubar” a cena como no filme… afinal, o boneco de neve que adora abraços quentinhos é um de meus personagens favoritos, e eu realmente gostaria que ele tivesse sido melhor aproveitado nesta adaptação! Mas acredito que isto tenha sido algo necessário, já que a obra é dedicada ao público infantil, e por este motivo não podia acabar com uma trama tão longa… e a história principal é retratada com maestria, então, a leitura é completamente válida! Concluo esta resenha dizendo que esta é uma graphic novel muito satisfatória, linda e bem feita, que deve agradar tanto aos fãs do filme quanto ao público infantil em geral… vale a pena conferir!

Foto: Patrícia Algayer/Viagens de Papel


 

Sobre o autor
Patrícia Algayer Paty Algayer, 26 anos (10/11) – Florianópolis - SC; Apaixonada por livros, principalmente pelos infanto-juvenis e de fantasia, não resiste a uma série com muitos livros e muitas páginas de pura diversão. Artesã, gateira e geek, também é fanática por séries de TV, filmes de comédia e animação e tudo o que for relacionado à cultura pop.


Deixe uma resposta

  1. quinta-feira, 27 de outubro de 2016.

    Ownnnnnnnnn, não conhecia esse graphic e já coloquei na minha lista de desejados, tenho certeza que eu e minha filhota vamos amar. Confesso que fiquei um pouco enjoada da história, porque já assisti o filme diversas vezes por causa dela, não sei como criança não cansa de reassistir. Mas enfim, graphic é sempre graphic, então, queroooooo! Quem sabe não dê de presente de natal para minha filhota, com certeza darei já com segundas intenções…

    A única coisa é que descordo de seu comentário, eles poderiam sim ter dado mais páginas para a edição, afinal, a história é conhecida e isso atrairá e instigará ainda mais a criançada, todos se apaixonaram por Olaf, mas ok, vou ler mesmo assim! Beijos

Comentários no Facebook

%d blogueiros gostam disto: