AVALIAÇÃO: 3/5 EDITORA: GALERA RECORD ISBN: 9788501034205 GÊNERO: JOVEM ADULTO PUBLICAÇÃO: 2014 PÁGINAS: 192 SKOOB

AVALIAÇÃO: 3/5
EDITORA: GALERA RECORD
ISBN: 9788501034205
GÊNERO: FANTASIA, INFANTOJUVENIL, LITERATURA BRASILEIRA
PUBLICAÇÃO: 2014
PÁGINAS: 192
SKOOB

Contos de fada fizeram e ainda fazem parte da infância de muitas pessoas,  essas histórias permitiram que muitas crianças tivessem seu primeiro contato com os livros, como foi no meu caso. Comecei a me interessar por leitura ainda muito pequena e adorava ler livrinhos sobre princesas, então, imaginem minha alegria quando descobri que a Paula Pimenta estava recontando as histórias desses clássicos?! Fui logo atrás, o primeiro volume traz a releitura de Bela Adormecida.

Intitulado como Princesa Adormecida, nessa releitura somos apresentados a Anna Rosa Lopes, uma garota de 16 anos que mora com seus três tios. Anna é filha de uma brasileira com um descendente de uma família real europeia, e teve uma infância muito turbulenta, pois foi sequestrada por uma mulher raivosa no dia do seu batizado. Felizmente o sequestro teve um final feliz e Anna retornou aos braços de seus pais, mas infelizmente a mulher que a sequestrou acabou sendo solta da prisão e começou a ameaçar a família de Anna, fazendo com que tomassem uma decisão muito drástica ao abrirem mão da filha para protegê-la dessa bruxa.

Sendo assim, Anna foi enviada para o Brasil onde cresceu na casa dos tios super protetores acreditando que seus pais morreram em um acidente, e que ela não passa de uma garota normal. Mas ao se apaixonar por um jovem misterioso, ela começa a questionar a super proteção dos seus tios que não a deixam se aproximar de ninguém, e logo descobre que a história da sua vida se parece muito com um conto de fada.

Com um texto simples e uma história fofinha, Paula Pimenta fez um ótimo trabalho nesse livro. É impressionante como ela consegue falar bem com o público juvenil, eu que nunca tinha lido nada dela antes de pegar esse livro, fiquei muito feliz ao ver que ela faz jus à fama que tem. A história apesar dos clichês é muito bem contada e consegue te prender, sem contar que dá aquele quentinho no coração, pois nos faz lembrar dos clássicos que líamos quando éramos crianças.

“Imagine acordar e descobrir que o mundo que você achava que era real nada mais é do que um sonho. E se todas as pessoas que você conheceu na vida simplesmente fossem uma invenção e, ao despertar, percebesse que não sabe onde mora, que nunca viu quem está do seu lado, e, especialmente, que não tem a menor ideia de onde foi parar o amor da sua vida.”

Narrado em primeira pessoa, o livro é muito fácil de ser lido, é aquele tipo de livro que lemos em uma sentada sabe?ótimo para lermos naqueles momentos em que não temos nada para fazer e precisamos de uma dose de fofura. É claro que se você assim como eu não é um adolescente e já leu muitos livros nessa vida, talvez os clichês da história e todo o amor adolescente te deixem um pouco irritado, mas se você se propor a ler já é preciso ter em mente que é um livro destinado ao público juvenil, e como todo livro destinado a esse público, é recheado de dramas adolescentes. Então, já está avisado! Rs

Além de ter uma história bem desenvolvida, Princesa Adormecida possui personagens muito bacanas, achei genial a sacada da Paula Pimenta em transformar as fadinhas do conto de fadas nos três tios da Anna, minha única reclamação nesse quesito foi que achei que os personagens secundários ficaram muito apagados, gostaria muito de ter visto esses personagens que achei tão legais brilharem mais na história.

Foto: Tayara Casemiro/Viagens de Papel

Enfim, eu indico muito esse livro para quem gosta de romances e histórias de princesas, acredito que é um ótimo presente para os leitores iniciantes, pois é fácil de ser lido e com certeza vai agradar muito os jovens leitores.

Sobre o autor
Tayara Olmena Estudante que tomou gosto pela leitura aos 12 anos de idade depois que leu "A marca de uma lágrima" do escritor Pedro Bandeira. Costuma ler de tudo, mas ainda torce o nariz para o romance. Além de ler, também é viciada em séries e filmes, e não perde a oportunidade de maratonar sua série favorita.


Deixe uma resposta

  1. quinta-feira, 27 de outubro de 2016.

    Mais pra frente indicarei para minha filhota… ela até lê livros mais grossinhos, mas essa parte de amor vamos deixar mais pra frente. Gostei muito de sua resenha e sua dica fofinha!

Comentários no Facebook

%d blogueiros gostam disto: