AVALIAÇÃO: 5/5 EDITORA: Jangada ISBN: 9788555390012 GÊNERO: Infanto-Juvenil PUBLICAÇÃO: 2015 PÁGINAS: 224 Skoob

AVALIAÇÃO: 5/5
EDITORA: Jangada
ISBN: 9788555390012
GÊNERO: Infantojuvenil, Literatura Nacional
PUBLICAÇÃO: 2015
PÁGINAS: 224
Skoob

Já fazia um tempo desde que ouvi falar na série As Aventuras de Tibor Lobato, e estava louca para conhecê-la; afinal, um infantojuvenil, nacional, e que trata de folclore? É a minha cara! Então, quando comecei a leitura de O Oitavo Vilarejo, estava cheia de expectativas… e, para minha felicidade, estas expectativas foram muito bem atendidas! A primeira obra de Gustavo Rosseb é envolvente, divertida e super original… vale a pena conhecer!

Depois de viverem em um orfanato por dois anos, Tibor Lobato e sua irmã, Sátir, são finalmente encontrados pela avó paterna. Juntos, vão morar com a simpática senhora em seu sítio, e pouco a pouco vão se acostumando com seu novo lar… no sítio, os garotos conhecem o jovem Rurique, que ajuda a avó a manter o lugar, e os três acabam virando amigos inseparáveis… e é através de Rurique que Tibor e Sátir conhecem as histórias de criaturas e coisas estranhas que aparecem nos Sete Vilarejos durante a Quaresma!

A princípio, os irmãos não acreditam nas histórias que o amigo conta, até que este misterioso período chega… e, com ele, as maiores e mais impensáveis aventuras; Afinal, será que as lendas de nosso folclore são mesmo apenas histórias? E o que Tibor e Sátir poderiam ter a ver com tudo isso, afinal?

Nossos protagonistas são bem jovens, mas com uma alta carga emocional; afinal, já passaram por poucas e boas em sua vida, após o incêndio que tirou a vida de seus pais… Agora, só o que Tibor e Sátir querem é encontrar um lar de verdade, onde possam crescer tranquilamente; e, felizmente, vão conseguir mais do que isso com Dona Gailde e Rurique! Os irmãos parecem bem maduros para sua idade, o que acredito ter sido necessário, dadas as circunstâncias… mas ainda possuem aquele pique da juventude, que faz com que a história se torne bem dinâmica e divertida de acompanhar! Enfim, gostei muito dos irmãos Lobato, e espero que ainda possa acompanhá-los em suas aventuras por bastante tempo…

Além deles e do divertido Rurique, vale mencionar a fofíssima Dona Gailde, que é capaz de amolecer o coração de qualquer um; o ambíguo Miguel Torquato, que aparece de repente e nos deixa com a pulga atrás da orelha; o mau-humorado e rabugento Icas, que parece esconder segredos bem desagradáveis… enfim, temos muitos personagens bons na história, que acrescentam muita qualidade à trama no geral!

Além dos personagens, outro destaque são os pitorescos Sete Vilarejos, e também o misterioso Oitavo Vilarejo (só lendo para descobrir o que é este último! rsrs)… é tudo tão bem descrito, que dá para imaginar perfeitamente os locais conforme a história avança! Adorei a ambientação da trama, e mistura de realidade com ficção que deixa tudo ainda mais verossímil… ficou tudo perfeito!

 Além da verossimilhança, o ritmo da narrativa é bem ágil, o que facilita o andamento da leitura; a história prende o leitor do início ao fim, deixando-o sempre ávido por mais! Fiquei super animada com a leitura, e mal posso esperar para ler A Guardiã de Muiraquitãs… Recomendo a leitura de O Oitavo Vilarejo, com toda a certeza; Se você gosta de uma boa aventura infanto-juvenil, este livro com certeza vai te conquistar!

Sobre o autor
Patrícia Algayer Paty Algayer, 26 anos (10/11) – Florianópolis - SC; Apaixonada por livros, principalmente pelos infanto-juvenis e de fantasia, não resiste a uma série com muitos livros e muitas páginas de pura diversão. Artesã, gateira e geek, também é fanática por séries de TV, filmes de comédia e animação e tudo o que for relacionado à cultura pop.


Deixe sua opinião

Seu email não será publicado.



*

  1. quarta-feira, 14 de setembro de 2016.

    Oi Patrícia, ao ler sua resenha, lembrei muito de Sitio do Picapau Amarelo… Sem dúvidas achei interessante a leitura, ter uma outra série para incentivar e valorizar nossa cultura é sem dúvidas muito bem-vinda!

Comentários no Facebook