AVALIAÇÃO: 4/5 EDITORA: INTRÍNSECA ISBN: 9788580578942 GÊNERO: FICÇÃO PUBLICAÇÃO: 2016 PÁGINAS: 256 SKOOB

AVALIAÇÃO: 4/5
EDITORA: INTRÍNSECA, CORTESIA
ISBN: 9788580578942
GÊNERO: FANTASIA, JOVEM ADULTO
PUBLICAÇÃO: 2016
PÁGINAS: 256
SKOOB

Temporada de acidentes é o livro de estreia de Moïra Fowley-Doyle. Conta a história de Cara e a vulnerabilidade que ela e sua família têm de sofrerem acidentes em todos os meses de outubro. Essa temporada tem como consequência arranhões, hematomas, cortes, ossos fraturados ou deslocados, ou coisas muito piores. A dita “maldição” está na família há 17 anos e hoje todos sabem que é necessário tomar alguns cuidados quando outubro chega.

O pai de Cara morreu em uma dessas temporadas, quando ela e sua irmã ainda eram crianças. Depois disso, a mãe delas encontrou Christopher, pai de Sam, e passaram algum tempo juntos e depois ele os abandonou sem nenhum explicação, deixando o filho para trás. Sam foi criado pela mãe de Cara e cresceu como se fosse da família, não é toa que ele é o melhor amigo da garota. A melhor amiga de Cara é Bea, uma menina que no colégio todos chamam de bruxa por tirar as cartas e ler o futuro. Um dia antes da temporada começar, as cartas de Bea revelam que essa será a pior temporada de todas.

Um dia, mexendo nas fotos de seu celular, Cara percebe a presença de Elsie, uma garota que toma conta de uma caixa de segredos e que ela acredita que  já foi sua amiga, logo após a morte de seu pai e a antes da presença de Sam. Cara começa a perceber que Elsie aparece em todas as suas fotos, sem exceção. Claro que ela tenta se convencer que é apenas uma coincidência.

Apesar das duas estarem distantes desde a chegada de Bea e Sam na vida de Cara, ela se sente culpada e resolve compartilhar o que tinha descoberto com os amigos e a sua irmã, Alice. Os quatro concordam em procurar Elsie na escola e questionar o porquê dela aparecer em todas as fotos de Cara. Mas o que acontece é que Elsie não aparece mais no dia seguinte, e nem nos próximos e assim sucessivamente. Cara tenta descobrir o seu endereço, porém nenhum professor ou aluno se lembra de Elsie.

No meio desta procura, eles encontram uma casa abandonada e decidem dar uma festa de Halloween nela, porém a busca continua. Muitas outras emoções e descobertas os quatro irão fazer juntos.

A escrita de Fowley-Doyle é leve e de uma maneira que faz fluir bem a leitura. Apesar de eu estar em ressaca literária, esse livro não deixou a desejar. A autora não deixou nenhuma ponta solta da história, os acontecimentos são bem ligados entre si. Durante a leitura revivemos acontecimentos antigos o vamos descobrindo o que aconteceu com Cara e sua família.

Fowley-Doyle também expõe assuntos importantes como: relação familiar, amizade, homossexualidade, relações abusivas e traumas. Outro ponto positivo é que a autora mostra os costumes e paisagens irlandesas e não americanas, como estamos acostumados. A capa é simples, porém chama bastante atenção. E por dentro o livro também não tem uma diagramação diferente, porém atende o que propôs.

Sobre o autor
Stephany Guebur

Stephany Guebur, 21 anos (05/01) – Paraná
Jornalista. Começou a ler no ensino fundamental, porque quanto mais livros apresentava, mais ganhava pontos na média. A partir daí, descobriu que ler é maravilhoso e que podemos viajar sem sair do lugar. Apesar de ter dado uma parada entre o ensino médio e a faculdade, sempre lia um livro aqui, outro ali. Entre seus livros favoritos estão a série “O Diário da Princesa”, “Na Natureza Selvagem”, e os de Monteiro Lobato, com os quais entrou no mundo da literatura, como muitas outras crianças. Além disso, é apaixonada por séries e viagens.



Deixe uma resposta

  1. domingo, 11 de setembro de 2016.

    Fiquei interessada nesse enredo…

Comentários no Facebook

%d blogueiros gostam disto: