Avaliação: 4/5
Editora: Record, Cortesia
ISBN: 9788501403834
Gênero: Contos
Publicação: 2015
Páginas: 288
Skoob

Lançado em 2010 e publicado recentemente pela Editora Record, Mentiras de verão é um livro de contos escrito pelo autor alemão Bernhard Schlink. Quando vi que a obra estava entre os lançamentos, não hesitei em solicitar para resenha, pois O Leitor, romance muito aclamado do autor, é um dos meus livros favoritos. O romance foi adaptado para os cinemas e estrelado por Kate Winslet, que levou o Oscar de melhor atriz por sua excelente atuação, e Ralph Fiennes.

Diferente de “O leitor“, Mentiras de verão é um livro de contos. São sete histórias, de aproximadamente 40 páginas cada, que apresentam variados personagens e também diversos tipos de mentiras. Além disso, as histórias se passam durante a estação mais quente do ano. Apesar de terem o mesmo fio condutor, os contos são bem diferentes um do outro. Em “Baixa Estação”, por exemplo, conto que abre o livro, conhecemos um homem que é arrebatado por um amor que se desenvolve em suas férias. Depois de fazer inúmeros planos com a mulher amada, que mora em outra cidade, ele volta para casa e não consegue se desfazer de sua rotina, de seu cotidiano.

No conto que se segue, intitulado “A noite em Baden-Baden”, um casal se vê prejudicado pelas mentiras que permeiam a relação e que impedem que o relacionamento siga adiante. Nos outros, há um homem que mente para a esposa e para a filha e deixa que sua obsessão tome grandes proporções; um senhor que está no fim de sua vida e toma uma grande decisão sem comunicar à família; um filho que faz uma viagem com o pai idoso em busca de respostas; e uma senhora, que deixou de amar os filhos e os netos, e não para de se perguntar como sua vida teria sido se tivesse seguido outros caminhos.

A narrativa fluída do autor e os capítulos curtos que dividem cada conto fazem com que a leitura seja bem envolvente e rápida. Além disso, ainda que em poucas páginas, as histórias e os personagens são tão bem construídos que dão a sensação de que os fatos estão se desenrolando diante de nossos olhos. Os personagens são muito reais. Os contos expõem o interior de cada um, revelando seus medos e preocupações, intrínsecos à nossa realidade. Outro ponto positivo da obra é que o autor surpreende a cada história, já que não é possível decifrar o que irá acontecer no fim de cada conto.

Mentiras de verão é um livro melancólico e bastante real, que mostra que ninguém é “feliz para sempre”. Todos temos momentos de felicidade e momentos de repensar escolhas, atitudes e a maneira com a qual nos relacionamos com o próximo. Dessa forma, os relatos permitem que o leitor reflita sobre sua própria vida, além de serem muito bem escritos e bonitos.

“- Conheço a sensação. Mas não dizem que evoluímos em ondas? Durante muito tempo não acontece nada e, de repente, temos uma surpresa, conhecemos alguém, tomamos uma decisão e não somos mais os mesmos de antes.”

Sobre o autor
Camila Tebet
Camila Tebet Camila Tebet, 24 anos (05/06) – Paraná Jornalista, tem a literatura como uma de suas paixões. Acredita que os livros têm o poder de transformar e falar sobre essa arte é um de seus passatempos favoritos. Entre os seus livros favoritos estão "Harry Potter" (é claro), "Na Natureza Selvagem", "Orgulho e Preconceito" e "A Menina Que Roubava Livros". Também é apaixonada por séries, cinema e fotografia. Escreve também para o site www.expressocultural.com.


Deixe sua opinião

Seu email não será publicado.



*

  1. domingo, 14 de junho de 2015.

    Olá!
    Ta aí um autor que eu tenho muita vontade de ler.
    Já assisti o filme O leitor e sempre tive vontade de ler o livro.
    E esse, apesar de nao gostar de ler contos, me deixou curiosa também.

    Beijos
    http://aventurandosenoslivros.blogspot.com.br/

  2. domingo, 14 de junho de 2015.

    Eu preciso parar de ler resenhas kkkk. Sério, minha lista de livros para ler não para de crescer e fiquei bem interessada nesse livro… Já estou ansiosa pela leitura

  3. domingo, 14 de junho de 2015.

    Oi, tudo bem?

    Não conhecia esse livro e nem o autor, mas gostei do livro e principalmente por ser contos, que aprecio muito. Gostei de saber que a história é real, como você disse não somos felizes o tempo todo, em muitos momentos da nossa vida temos que repensar mesmo. Adorei a premissa do livro e vou dar uma olhada no preço depois. Uma dúvida: o livro que foi adaptado foi O Leitor, né? Parabéns pela resenha.

    Beijos
    Leitora sempre

  4. segunda-feira, 15 de junho de 2015.

    Olá!
    Não conhecia o autor, nem o livro. Mas já ouvi falar muito bem sobre o filme "O Leitor".
    Apesar de não ser muito fã de contos, nem de livros melancólicos, esse me chamou muito a atenção. O enredo parece bem interessante e fiquei curiosa em relação às mentiras dos personagens.
    Gostei bastante de sua resenha!
    Beijos!

    http://www.livrosdajess.com

  5. segunda-feira, 15 de junho de 2015.

    Oiiie
    Adorei a resenha e já tentei ler O leitor mas realmente não rolou, vou tentar outra hora, adoro contos mas não leio sempre, vou ver se tenho oportunidade de ler esses 😉

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br

  6. segunda-feira, 15 de junho de 2015.

    Olá!
    Não conhecia o autor nem o livro e achei interessante o tema abordado pelo livro, mas não me chama atenção. Prefiro livros com histórias completas.

    Beijos
    http://www.breakingfree.blog.br/

  7. terça-feira, 16 de junho de 2015.

    Oi!
    Não conhecia o livro ainda, mas adorei saber um pouco mais sobre ele. Realmente ninguém e feliz sempre, e acho muito interessante histórias que trazem essa realidade pra gente. Adoro ler contos e com certeza vou ir atrás desse livro para saber mais
    Beijos
    Carol
    http://www.sobrevicioselivros.com

  8. terça-feira, 16 de junho de 2015.

    Oi, tudo bem?
    Não conhecia o autor ainda, mas como gosto de contos, acho que eu iria gostar bastante do livro, sobretudo pelo fator melanóico e real.
    Bjs

    A. Libri

  9. terça-feira, 16 de junho de 2015.

    Não conhecia o autor e nem o livro, mas achei forte os temas envolvidos em cada conto. Alguns me deixaram muito curiosa. Ainda não consegui ler nenhum livro de contos e acredito que Mentiras de Verão seja uma boa oportunidade de mudar isso. Adorei a dica.

    Bjs, Glaucia.
    http://www.maisquelivros.com

  10. quarta-feira, 17 de junho de 2015.

    Olá! ^^
    Ainda não conhecia o livro e apesar de acreditar que seja uma obra muito bem desenvolvida, não acho que este seja o momento para coloca-lo no topo da lista de leituras, mas com certeza irei acrescenta-lo à lista, apenas não o colocarei como prioridade!

    bjs

  11. quarta-feira, 17 de junho de 2015.

    Olha que legal, não conhecia esse livro, mas adoro livros de contos assim *-* já entrou para a minha listinha de futuras leituras xD

    Beijos!
    http://www.amigadaleitora.com

  12. quarta-feira, 17 de junho de 2015.

    Achei muito interessante mesmo, amo ler contos e admiro a capacidade dos autores que conseguem escrevê-los bem já que isso para mim é uma dificuldade… Achei o tema, a mentira, bem original e espero ler em breve. Ah, amei o layout do seu blog, muito delicado e lindo.
    Bjs, Isabella
    http://pausaparaconversa.blogspot.com.br/

  13. sexta-feira, 19 de junho de 2015.

    Oii, tudo bem? Gostei bastante da sua resenha, parece ser um livro bem interessante, e o tema, mentiras sempre está presente na vida de todos, de uma forma ou de outra, então é interessante ver como os personagens lidam com elas. Achei interessante se passar no verão, e mesmo que sejam contos curtos, o autor conseguiu desenvolver os personagens e as situações que eles vivem.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

  14. domingo, 21 de junho de 2015.

    Oie, tudo bom?
    Gosto de livros de contos que me fazem refletir e esse livro parece ter exatamente essa característica. Não conhecia a obra, mas é bem interessante.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

  15. segunda-feira, 22 de junho de 2015.

    Oi,

    Já conhecia o autor, mas nunca havia ouvido falar desse livro.
    Apesar de não ter o hábito de ler contos, acho que fale a pena só por se tratar do Bernhard.

    Beijos,
    Gabi – Vida de Bookaholic

  16. segunda-feira, 22 de junho de 2015.

    Oii,
    Não conhecia o autor mas adorei sua resenha!! Vai pra minha lista.
    Vivi
    Corujas de Biblioteca

Comentários no Facebook