domingo, 14 de dezembro de 2014

Eu não sei vocês, mas eu adoro esta época do ano! Natal para mim representa celebração, união entre as famílias, o agradecimento pelo ano que passou e a esperança pelo ano que virá. Eu adoro todo esse encanto, embora gostasse que aqui essa magia fosse maior. Enquanto isso não acontece, eu gosto de ler e assistir filmes sobre o assunto. Nos meus sonhos, o Natal perfeito é aquele coberto de neve, todo iluminado e com as músicas natalinas embalando a época em que tudo pode acontecer. Com os livros, sinto-me mais próxima desse universo. Separei algumas dicas para vocês de livros sobre o assunto. Alguns eu já li, outros ainda não, mas todos passam essa atmosfera.

Deixe a neve cair
Publicado em 2013 pela editora Rocco, Deixe a neve cair traz três contos natalinos, escritos por John Green, Lauren Myracle e Maureen Johnson. Cada um possui histórias bem distintas, que no fim se entrelaçam e representam união. O que eu mais gostei traz a história de Jubileu, uma garota que, pela primeira vez na vida, está passando o Natal longe de sua família. Esse foi o que achei mais encantador, mas os outros também são bem legais.
O presente do meu grande amor
Ah, como eu quero ler este livro. Parece ser encantador. Organizado por Stephanie Perkins (a autora de Anna e o Beijo Francês), a obra traz doze contos natalinos de autores como Holly Black, Gayle Forman e David Levithan. O livro traz histórias que celebram a união das famílias, a formação de casais, a realização de desejos impossíveis. Demonstra o quanto o Natal é época de transformação e esperança.
Dia de folga
Quem gosta de John Boyne, vai adorar esta indicação. Dia de folga também é um conto, disponibilizado gratuitamente em e-book. Como de costume nas obras do autor, a história tem um pano de fundo histórico, sendo ambientado na 1ª Guerra Mundial. O conto traz a história de um jovem soldado e como ele passa o seu dia de folga durante o feriado natalino.

A caixinha mágica
A caixinha mágica é um conto natalino disponibilizado gratuitamente em e-book. Escrita por Luiza Trigo, a história nos apresenta Priscila, que após a morte da mãe, ainda pequena vai morar em um orfanato. Triste, ela encontra esperança em uma pequena caixinha, que em todo Natal lhe traz uma surpresa.

O presente

Ainda não li este livro, embora eu pretenda realizar a leitura ainda este ano. A história de Cecelia Ahern conta a história de Lou Suffern, que vive correndo contra o tempo. Sempre atarefado, ele está sempre preocupado com os compromissos do trabalho, nunca se dedicando integralmente à esposa e aos filhos. Numa manhã, Lou encontra Gabe, um morador de rua, sentado no chão, sob o frio e a neve, em frente ao edifício onde trabalha. Depois de uma conversa, Lou fica intrigado e percebe que deixou de compartilhar com os colegas e entes queridos muitos momentos marcantes. Aos poucos, ele percebe que é preciso mudar essa situação.
Um conto de natal
Talvez vocês não reconheçam pelo nome, mas definitivamente já conhecem a história, pelas inúmeras adaptações que já foram realizadas. Escrito por Charles Dickens, Um conto de natal apresenta o rabugento Ebenezer Scrooge, que não poupa reclamações e adora tratar mal o próximo. Perto do Natal, Scrooge recebe a visita, em sonhos, de fantasmas do seu passado, presente e futuro.


Anjos à mesa
Primeiro eu queria falar que acho essa capa muito linda! Não li o livro, nem tenho em casa, mas acho que vou adquirir no próximo Natal. A história também parece ser muito fofa. Shirley, Goodness e Mercy são anjos e sabem que o seu trabalho é interminável, ainda mais na véspera do Ano-Novo. Junto com o aprendiz Will, elas estão presentes na festa de fim de ano da Times Square e decidem dar um empurrãozinho em Lucie Ferrara e Aren Fairchild, que precisam urgentemente acabar com a solidão. Da mesma maneira repentina que se encontram, os dois acabam se perdendo, mas mesmo um ano após o ocorrido não esqueceram um ao outro. Agora, parece que receberão mais uma ajuda divina para se unirem novamente.

Uma chance para recomeçar
Publicado este ano pela Novo Conceito, o livro de Lisa Kleypas conta a história da pequena Holly. Após perder a mãe em um trágico acidente, ela vai morar com o tio Mark, que acredita não estar fazendo um bom trabalho, já que a menina nunca mais falou após o acontecido. Uma cartinha para o Papai Noel revela um desejo capaz de devolver a felicidade à Holly: ela quer ter uma mãe. Em meio à tristeza, Holly conhece Maggie, que perdeu o marido em uma batalha contra o câncer e fechou seu coração, já que não quer mais passar por isso. Dona de uma loja de brinquedos, ela se torna amiga da menina. Ao mesmo tempo em que se comove, Mark também se preocupa com a amizade e ficará em dúvida se deixará Maggie entrar também em sua vida.

Minta que me ama
Também publicado este ano pela Novo Conceito, o livro de Maria Duffy nos apresenta Jenny Breslin. Sua vida real é bastante chata e sem graça. Já no Twitter, as coisas são bastante interessantes: ela possui uma carreira em ascensão, uma agenda lotada e uma vida amorosa espetacular. Em uma noite de bebedeira, enquanto conversa com as amigas virtuais Zahra, Fiona e Kerry, ela as convida para passar alguns dias em sua casa em Dublin. A partir do momento em que sua vida real colide com a virtual, Jenny não sabe para onde ir, nem o que fazer. Ela terá que, mais do que nunca, reassumir o controle de sua vida.


O Natal de Poirot
Essa indicação é para os fãs de romances policiais. O livro foi escrito por ninguém mais, ninguém menos do que a rainha do crime Agatha Christie. Nesta obra, que se passa na véspera de Natal, a reunião da família Lee é arruinada por um barulho ensurdecedor de móveis sendo destroçados, seguido por um grito agudo e sofrido. No andar de cima, Simeon Lee é encontrado morto, envolto por uma poça de sangue, com a garganta degolada. Quando Hercule Poirot assume o caso, se depara com uma atmosfera de suspeitas mútuas.

Vocês também gostam de histórias de Natal? Se souberem de outros livros com o tema, deixem aqui nos comentários 🙂 
Até a próxima!
Sobre o autor
Camila Tebet Camila Tebet, 22 anos (05/06) – Paraná Jornalista, tem a literatura como uma de suas paixões. Acredita que os livros têm o poder de transformar e falar sobre essa arte é um de seus passatempos favoritos. Lê de tudo um pouco, mas os gêneros de que mais gosta são os romances românticos e chick-lit. Entre os seus livros favoritos estão "Harry Potter" (é claro), "Na Natureza Selvagem", "Orgulho e Preconceito" e "A Menina Que Roubava Livros". Também é apaixonada por séries, cinema e fotografia. Escreve também para o site www.expressocultural.com.


Deixe uma resposta

  1. quarta-feira, 17 de dezembro de 2014.

    Oie, Camila.

    Eu tenho bastante curiosidade em ler Enquanto a neve caia. >.<
    Outro que me chamou atenção foi Minta que me ama, mas eu não posso comprar nada esse ano. HOHO' Mentira tenho que parar mesmo de comprar. Mas quem sabe eu não dou a sorte e ganho Uma chance para recomeçar. 😛
    Aposto que quando chegar mais perto do sorteio chega um monte de gente pra comentar. =/

    Paradise Books BR

    Beijos.

  2. sábado, 3 de janeiro de 2015.

    Quem não sonha com um natal assim, né?? Seria perfeito… Não li nenhum desses livros, aliás acho que nunca li um livro que se passasse no Natal, somente vi filmes. A maioria me deixou interessada, menos Deixe a Neve Cair… peguei horror ao John Green…

    Beijos!!

  3. segunda-feira, 5 de janeiro de 2015.

    Deixe a Neve Cair é um livro muito fofo! Li em 2013 em e-book e gostei tanto que ano passado comprei o físico. haha e entendo muito bem isso de 'preciso parar de comprar'. Acho que vou fazer a mesma coisa que você este ano haha A sorte tem andado a seu favor, Paula haha Beijos!

  4. segunda-feira, 5 de janeiro de 2015.

    Ainda tenho esperanças de passar um Natal assim *-* haha Também não gostei muito do conto do John Green em Deixe a Neve Cair, mas os outros valem a pena, Érika! Beijos

Comentários no Facebook

%d blogueiros gostam disto: