domingo, 30 de novembro de 2014

Avaliação: 3/5 Editora: Geração Editorial, Cortesia ISBN: 9788581301259 Gênero: Guia, Infantojuvenil Publicação: 2014 Páginas: 52 Skoob

Pensando em trazer novas opiniões e apresentar para vocês novos olhares a partir de uma mesma obra, esta resenha seguirá um formato diferente. Logo abaixo, vocês encontrarão duas opiniões a respeito de “Deuses do Olimpo“, escrito por Dad Squarisi. O livro é voltado para o público infantojuvenil, mas nada impede que seja lido e apreciado por leitores mais velhos. Por isso, eu, Camila, de 21 anos, convidei a minha irmã Melissa, de 11, para ler a história junto comigo e compartilhar o que ela achou da obra.

Por Camila Tebet
Avaliação: 3/5

Para quem gosta de mitologia grega, “Deuses do Olimpo” é uma ótima pedida. Em formato de guia, o livro conta de maneira simplificada histórias dos deuses, seu surgimento, além de curiosidades a respeito. Cada página traz um relato diferente, começando pelo aparecimento de Zeus, que nasceu da união entre Gaia, a mãe terra, e Urano, o céu estrelado.

As outras páginas traçam um panorama do Olimpo e também falam da Guerra dos Titãs e de como Zeus assumiu o poder junto com os irmãos Poseidon e Hades. Além disso, trazem diversas curiosidades, falando, por exemplo, do surgimento de alguns signos do zodíaco. Eu não sabia que o meu signo, de gêmeos, tinha uma explicação mitológica. De acordo com a mitologia, os dois menininhos são Castor e Pólux. Sua mãe, Leda, era casada com Tíndaro, rei de Esparta. Uma tarde, Leda foi tomar banho em um rio e, no mesmo dia, Zeus estava passeando pela Terra. De longe, Zeus viu a bela moça e se apaixonou. Para seduzi-la, transformou-se em um cisne. Encantada com ele, ela cedeu. Um tempo depois, sentiu a dor do parto. De sua barriga saíram dois ovos. Do primeiro, os imortais Castor e Helena. Do segundo, Pólux e Clitemnestra, filhos de Tíndaro. Castor e Pólux tornaram-se tão amigos que pediram que Zeus nunca os separasse. Atendendo ao pedido, ele transformou os meninos em estrelas, que brilham no céu até hoje.

Foto: Camila Tebet / Viagens de Papel

Como a própria capa do livro diz, ele é destinado “Para gente pequena e gente grande também“. Eu não poderia ter usado outras palavras. Apesar de ter um vocabulário mais infantilizado e não se aprofundar nos mitos, o livro traz as principais histórias e é um bom guia para quem deseja saber mais sobre mitologia. Eu já sabia várias coisas apresentadas pela obra, mas me surpreendi com muitas outras. Durante a leitura, por exemplo, descobri que a marca Nike tem uma certa relação com uma deusa grega. Também descobri o porquê da coruja ser considerada símbolo do conhecimento e o porquê do caduceu ser símbolo da medicina.

A princípio, eu achava que o livro seguiria uma narrativa diferente, traria uma história com começo, meio e fim. Fiquei um pouco decepcionada ao perceber que não era isso. Porém, depois de terminar a leitura, percebi que gostei bastante do formato, acho que funcionou muito bem. A autora escreve de maneira leve, despretensiosa, e segue uma estrutura que deixa o leitor curioso a respeito das outras histórias, do que vai se seguir. A leitura é tão rápida que, quando você vê, já terminou de ler.

Foto: Camila Tebet / Viagens de Papel

Aliado à escrita deliciosa da autora está o projeto gráfico. O livro é muito lindo. Por dentro, as páginas são coloridas e recheadas de ilustrações, feitas por Carolina Kaastrup. Elas combinam bem com as histórias e unem elementos modernos à antigos. A capa dura coroa a belíssima edição, dando o toque final.

Por fim, recomendo o livro a todos que se interessam pelo tema, sem distinção de idade. A leitura é fluida e traz uma boa base sobre mitologia grega. Além disso, a autora soube transmitir o lado pesado da mitologia de maneira bem leve e sutil, apropriada para crianças. Também fez diversas relações com o nosso cotidiano, uma forma de transpor os mitos à nossa realidade e, conforme diz Wani Aida Braga, na apresentação, identificarmos e desafiarmos “medos, desejos e impulsos, sem os riscos da vida real”.


Por Melissa Tebet

Avaliação: 3/5

Achei o livro interessante, mas muitas coisas eu já sabia, pelo fato de que este ano estou lendo Percy Jackson, que também fala sobre mitologia grega. A partir da leitura da série aprendi muito sobre os olimpianos, mas “Deuses do Olimpo” tem fatos super interessantes, que complementaram o meu conhecimento sobre o assunto. Algumas partes falam sobre a origem de algumas constelações e também sobre alguns signos do zodíaco. Achei legal, para quem se interessa por mitologia este livro é ótimo.

A forma da estrutura, de fato, funcionou. O modo do almanaque dá a impressão de que a leitura flui melhor, não ficou tão cansativo quanto eu pensei que ficaria, nem confuso. Ficou bem organizado e não muda de assunto de uma hora para outra. A minha leitura foi bem rápida. No começo achei que seria enrolada, por ser um livro de história, mas o livro me envolveu de uma maneira diferente e eu curti bastante.

Foto: Camila Tebet / Viagens de Papel

Confesso que a capa me assustou um pouco, achei que Zeus está sendo representado como se fosse um monstro. Sobre as ilustrações, achei as primeiras páginas encantadoras, mas depois não gostei muito, algumas delas não tinham nada de compatível com o assunto.

Acho mitologia grega bem interessante, por isso eu gosto de ler alguns livros desse tipo. Este me surpreendeu, pois tem várias curiosidades. A leitura é rápida e a história envolve. O que me incomodou um pouco foram algumas ilustrações e o modo que a autora escreve, de maneira muito infantil. Além disso, encontrei um erro de revisão no livro, quando, ao falar do deus da guerra, Ares, as denominações grega/romana são invertidas.

Foto: Camila Tebet / Viagens de Papel

Sobre o autor
Camila Tebet Camila Tebet, 22 anos (05/06) – Paraná Jornalista, tem a literatura como uma de suas paixões. Acredita que os livros têm o poder de transformar e falar sobre essa arte é um de seus passatempos favoritos. Lê de tudo um pouco, mas os gêneros de que mais gosta são os romances românticos e chick-lit. Entre os seus livros favoritos estão "Harry Potter" (é claro), "Na Natureza Selvagem", "Orgulho e Preconceito" e "A Menina Que Roubava Livros". Também é apaixonada por séries, cinema e fotografia. Escreve também para o site www.expressocultural.com.


Deixe uma resposta

  1. segunda-feira, 1 de dezembro de 2014.

    Oi, Camila!
    Apenas pela capa esse livro nunca me chamou a atenção, e acho que até concordo quando a sua irmã diz que passa a impressão de que ele é um monstro e por isso sempre julguei esse livro mal. Gostei de ver um pouco das ilustrações que contém dentro do livro, e elas parecem ser muito legais; Outra coisa que gostei foi das pequenas curiosidades que ele tem, mas ainda sim não acho que iria ler esse livro. Não sou muito fã de mitologia grega, então não faz meu perfil.

    Beijos.
    Blog Cantar Em Verso

  2. segunda-feira, 1 de dezembro de 2014.

    Oii Camila 🙂
    Sou apaixonada por Percy Jackson, que também fala de mitologia,
    mas esse livro não me chamou a atenção! Eu esperava algo totalmente diferente..
    Realmente, essa capa ficou meio assustadora! Mas vale a pena ter o livro na prateleira.. Ele é lindo!
    Bjs

  3. segunda-feira, 1 de dezembro de 2014.

    Olá Camila e Melissa,
    duas opiniões novamente 😀
    Esse livro traz várias curiosidades, ein?! Quero saber como surgiu meu signo…
    Melissa não gostou de algumas ilustrações, como isso? Eu achei lindas <3
    Beijos

  4. segunda-feira, 1 de dezembro de 2014.

    Ahhhhhhhhhhh eu quero esse livro *-*
    Amo Mitologia grega e tudo que fala sobre eu quero ler, quero ver, enfim é muito bom *-*
    Com certeza eu que to com 24 anos ja fiquei aqui doido pelo livro, tbm não sabia a respeito dos signos do zodiaco, fala de todos os signos? fiquei curioso sobre o meu Áries… rsrs
    algumas coisas que vc citou eu ja sabia, da Nike, da Coruja eu tbm sabia, e do caduceu tbm… mas é pq saio fuçando na net e não consigo parar, vou lendo as hisotrias e ja clico na que ta relacionada, e saio clicando.
    pelo q reparei tbm esse livro como é principalmente para um publico infantil, deve ter as historias bem resumidas né??

  5. segunda-feira, 1 de dezembro de 2014.

    Olá, Meninas.

    Achei esse livro super fofo. Sou doida com coisas da Mitologia Grega e quero comprar. Reparei a nota que deram, mas eu quero esse livro, sei lá.
    Já li uma outra resenha que a pessoa falou que curtiu a leitura, mas que é uma leitura bem rápida. As ilustrações são lindas.

    Beijos.

  6. domingo, 7 de dezembro de 2014.

    Silviane, acho que se você não gosta de mitologia não vai mesmo curtir esse livro. É como um guia e entretém aqueles que querem saber mais sobre o assunto. Mas se um dia você se interessar por mitologia, lembre-se dele! Tem uma linguagem bem simples e a leitura é bem gostosa. Beijos!

  7. domingo, 7 de dezembro de 2014.

    Olha, eu nem tinha me atentado pro fato de Zeus estar assustador haha acho que vejo mais como imponência. Mas isso vai muito de opinião, né! Me apaixonei por mitologia quando li Percy Jackson, mas confesso que nunca li muito sobre o assunto. Esse livro foi uma boa e me deixou ainda mais interessada pelo tema. Acho que Deuses do Olimpo vai mesmo decepcionar alguns leitores, pelo formato de guia, mas ele me surpreendeu. Talvez surpreenda você também 😉 Beijos!

  8. domingo, 7 de dezembro de 2014.

    Oi, Vanessa! Que bom que está gostando de nossas resenhas duplas o Infelizmente, o livro não traz as informações de todos os signos, mas da maioria. Algumas ilustrações são realmente estranhas, haha mas também gostei bastante! Beijos

  9. domingo, 7 de dezembro de 2014.

    Douglas, acho que você vai adorar o livro então! hahaha Infelizmente não fala de todos os signos, mas da maioria. Agora não lembro se cita Áries… : Olha, eu super me interesso por mitologia grega, mas confesso que nunca tinha lido nada, só Percy Jackson kkkk esse livro me deixou ainda mais interessada. Acho que agora vou partir pro "Livro de Ouro da Mitologia", que tenho aqui em casa. As histórias são bem resumidas, sim. É uma para cada página! Beijos

  10. domingo, 7 de dezembro de 2014.

    Oi, Paula o Acho que você vai adorar o livro. Nós demos nota 3, mas ele passa longe de ser ruim! É uma delicinha de ser lido haha É bem rápido mesmo, acho que dá para ler em 1 hora! Beijos

Comentários no Facebook

%d blogueiros gostam disto: