quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Avaliação: 5/5 Editora: Intrínseca ISBN: 9788580572056 Gênero: Romance, Jovem Adulto Publicação: 2012 Páginas: 272 Skoob

A linda capa de Vaclav & Lena é a primeira coisa que chama a atenção no livro. À primeira vista, passa a impressão de que a história criada por Haley Tanner é leve, despretensiosa, um romance tranquilo do começo ao fim. E aí você começa a ler o livro e é apresentada a duas crianças, filhas de russos e moradoras da comunidade de imigrantes Brighton Beach. Vaclav e Lena são bastante diferentes. Ele, com dez anos, pertence a uma família tradicional, é falante, encontra alegria nas pequenas coisas da vida e tem o sonho de se tornar um mágico famoso, assim como seu ídolo Houdini. Ela mudou-se para os Estados Unidos ainda bebê, mas, aos nove anos, ainda tem muita dificuldade em aprender a língua inglesa, já que boa parte de sua vida passou cercada apenas do idioma russo. Entretanto, não fossem as diferenças, não poderiam completar-se tanto.

Vaclav e Lena conheceram-se quando tinham cerca de cinco anos. Estudavam na mesma escola, de ensino de inglês para crianças estrangeiras, mas nunca haviam conversado. Até que um dia, por intermédio da mãe dele, Rasia, e da tia dela, Ekaterina, Lena vai até a casa de Vaclav para brincar. Muito tímida e retraída, por não saber falar muito bem o inglês, ela demora a se soltar e a sentir-se à vontade perto dele e de sua mãe. Porém, o tempo passa e logo os dois tornam-se inseparáveis. Juntos, treinam números de mágica e ensaiam para a apresentação que lançará Vaclav, o Magnífico, e Lena, sua bela assistente, ao mundo. Vaclav torna-se o refúgio de Lena e Lena torna-se objeto de adoração e admiração de Vaclav. Nessa primeira parte do livro, Juntos, somos apresentados a uma das mais belas amizades da literatura: pura, ingênua e sem segundas intenções.

Como pano de fundo, conhecemos brevemente como é a vida de um longe do outro. Enquanto ele mora com os pais e tem uma mãe que se importa e faz de tudo para vê-lo feliz, ela mora com a tia, que nunca tem tempo para cuidar dela, já que, dizem as mulheres da vizinhança, trabalha de forma nem tão honesta. Rasia, que toda noite leva a pequena Lena para casa, sofre em silêncio com o que vê: uma criança largada sozinha entre os perigos de uma casa suja, desorganizada, com despensas vazias e pouco conforto.

Quando estava prestes a fazer a maior apresentação de mágica de sua vida e esperava ansiosamente pelo dia em que isso aconteceria, Vaclav vê seu mundo virar de cabeça para baixo quando Lena um dia não vai à escola e desaparece completamente de sua vida. Durante os sete anos seguintes ele vive com a incerteza do que aconteceu naquele dia, mas não deixa de cuidar dela em seus pensamentos. O livro é dividido em quatro partes. A segunda e a terceira são destinadas a contar como os dois estão com 17 anos e quais efeitos a separação causou em cada um deles. Nesse momento a história deixa de ser leve e cede espaço a um drama de cortar o coração, que tem seu ápice quando Vaclav e Lena, após dez anos, enfim se reencontram.

Uma das melhores coisas do mundo é quando uma história excede todas as suas expectativas. Foi exatamente isso o que aconteceu com este livro. Encantei-me por Vaclav & Lena logo quando foi lançado, mas sempre deixava passar a oportunidade de lê-lo. Talvez um pouco pelo medo de me decepcionar. Ainda bem que isso não aconteceu. A história me conquistou logo de cara, por trazer uma relação tão encantadora e genuína quanto esta. Começa assim, de mansinho, e quando você vê, já está totalmente imerso no mundo dos dois.

A narrativa contribui muito. A princípio, parece ser muito simples, meio fraca. Mas, ao decorrer do livro, percebemos a intenção da autora de desenvolvê-la junto com a história, já que ela vai se tornando mais densa a cada página. O final não é daqueles que traça o destino de cada personagem, ele deixa um tanto de incerteza e mistério, o que, em minha opinião, não é um ponto negativo, já que é bastante coerente com a trama. Entretanto, é impossível negar que Vaclav e Lena deixam saudades. <3

Sobre o autor
Camila Tebet
Camila Tebet Camila Tebet, 24 anos (05/06) – Paraná Jornalista, tem a literatura como uma de suas paixões. Acredita que os livros têm o poder de transformar e falar sobre essa arte é um de seus passatempos favoritos. Entre os seus livros favoritos estão "Harry Potter" (é claro), "Na Natureza Selvagem", "Orgulho e Preconceito" e "A Menina Que Roubava Livros". Também é apaixonada por séries, cinema e fotografia. Escreve também para o site www.expressocultural.com.


Deixe uma resposta

Comentários no Facebook

%d blogueiros gostam disto: