terça-feira, 25 de Março de 2014

Avaliação: 5/5 Editora: Sextante ISBN: 9788599296660 Gênero: Chick-lit, Romance, Adulto Publicação: 2010 Páginas: 224 Skoob

Lillian é uma mulher que sempre acreditou no poder da gastronomia. Para ela, cada receita é mágica e cada ingrediente é fundamental. Ela sempre enxergou (e saboreou) além do que o que outras pessoas viam. Já no prefácio somos apresentados à sua grande paixão e à maneira como ela afeta sua vida. Lillian é a primeira grande história que conhecemos. Quando pequena, ela ajudou sua mãe a se recuperar de uma grande depressão após o marido tê-la deixado através da culinária. E, a partir daí, percebeu que os ingredientes podem transformar a vida das pessoas.

Já mais velha, Lillian tornou-se dona de um restaurante de bastante sucesso. Segunda era o único dia de folga para os que lá trabalhavam, mas não para ela. Segunda era dia de mostrar a outras pessoas o que cada tempero pode despertar. Nas primeiras segundas do mês, ela dá aulas de culinária. Nessa sua nova turma descobrimos diferentes histórias, dos mais variados tipos de pessoa. É assim que o livro se desenrola. Cada capítulo conta um pouco de cada aluno, suas razões para participar do curso e o que as aulas estão despertando em cada um.

Temos Helen e Carl, o casal que, depois de muitos anos, continua casado; Claire, que precisa se redescobrir depois de ser se tornado esposa e mãe; Antonia, a estrangeira ainda se adaptando à vida americana; Tom,  tentando superar uma grande tristeza; Chloe, a mais jovem do grupo, tentando encontrar sua própria identidade; Isabelle, procurando se reencontrar; e Ian, em busca de seu final feliz.

Cada aula é destinada para um personagem. Acompanhamos um pouco de seus dilemas pessoais e o quanto cada aula é capaz de transformar a vida de cada um. Aqui, cada ingrediente é mesmo mágico. Cada tempero traz uma nova sensação e desperta diferentes lembranças. Um tomate maduro, por exemplo, é capaz de mostrar que, às vezes, é preciso muita determinação e coragem.

Durante o período de curso, os alunos têm a oportunidade de repensarem suas vidas e se redescobrirem. Além disso, criam um vínculo muito forte e especial de companheirismo, lealdade e amizade.

É sempre muito bom quando um livro torna-se uma surpresa boa. Comprei Escola dos sabores em uma promoção, sem saber direito sobre o que se tratava, após dar uma lida rápida na sinopse. Pensei que fosse se tratar de mais um romance água com açúcar. Que bom que me enganei.

O livro traz questões bastante reais e a forma que cada um tem de lidar com elas. A leitura, que é bastante leve, mostra que todos temos problemas e que eles não somem de uma hora para a outra, nem deixam de aparecer. É preciso passar pelos obstáculos que têm no caminho. Para isso, nada melhor do que repensar o jeito de ver a vida e dar valor às coisas mais simples, que são as que realmente importam.

Gostei do modo como a autora retratou a busca de cada um, intercalando o relato de suas vidas pessoais com relatos da aula. Além disso, para mim, o ponto forte da trama é que não existe personagem principal. Claro, Lillian tem destaque por ministrar as aulas, mas nem por isso os outros são menos importantes. Os personagens são bem peculiares e todos têm algo novo para acrescentar e ensinar. Na aula de Lillian, ela também é aluna.

A obra me trouxe diversas reflexões e me deixou com gostinho de quero mais. Esse é o tipo de livro que eu mal havia terminado e já estava com saudades dos personagenss, querendo saber como a história de cada um terminou. Recomendo à todos que gostam de boas histórias. Espero que você surpreenda-se tanto quanto eu!

“O coração de cada pessoa tem seu próprio jeito de se abrir. Cada cura será diferente… mas existem certas coisas de que todos nós precisamos. Antes de mais nada, precisamos nos sentir seguros.”

Sobre o autor
Camila Tebet
Camila Tebet

Camila Tebet, 24 anos (05/06) – Paraná
Jornalista, tem a literatura como uma de suas paixões. Acredita que os livros têm o poder de transformar e falar sobre essa arte é um de seus passatempos favoritos. Entre os seus livros favoritos estão “Harry Potter” (é claro), “Na Natureza Selvagem”, “Orgulho e Preconceito” e “A Menina Que Roubava Livros”. Também é apaixonada por séries, cinema e fotografia. Escreve também para o site www.expressocultural.com.



Deixe uma resposta

  1. quarta-feira, 26 de Março de 2014.

    Oi Camila!
    Como cheguei na blogosfera literária somente em 2011, não conhecia esse livro, mas adorei a resenha, acho que é o tipo de história que eu iria amar. Li um livro uma vez um pouco diferente, mas com o clima parecido chamado "O Clube das Chocólatras", onde quatro amigas bem diferentes se reúnem no "Paraíso do Chocolate" para conversar sobre suas vidas, numa espécie de "terapia do cacau", acho que você iria curtir, tem resenha lá no blog caso queira conferir.
    Beijos… Elis Culceag.
    * Arquivo Passional *

  2. sexta-feira, 28 de Março de 2014.

    Eu geralmente evito esse tipo de livro que não foca em apenas um personagem acho que fica faltando desenvolver a historia, mas esse parece tão leve, tão bom! c ctz vou dar uma chance

  3. sexta-feira, 28 de Março de 2014.

    Adorei a proposta do livro. Não se manter a apenas um personagem ou casal principal é uma característica muito boa em um livro, pois acredito que imerge ainda mais o leitor na realidade da obra. E trazer lições bonitas e profundas… Nossa, é a receita do sucesso.
    Já quero ler esse livro.

    Abraços, Mallú Ferreira
    semclichesporfavor.blogspot.com

  4. sábado, 5 de Abril de 2014.

    Oi, Elis =) Obrigada!! Fui lá no seu blog e, assim como você, fiquei com água na boca! haha Vou procurar mais detalhes do "O Clube das Chocólatras". Fiquei com vontade de ler! Beijos

  5. sábado, 5 de Abril de 2014.

    Oi, Natasha! Esse livro é mesmo uma delícia 😉 Os personagens são todos muito cativantes. Se for ler, depois vem aqui contar o que achou! Beijos

  6. sábado, 5 de Abril de 2014.

    Oi, Mallú! O livro é ótimo. Se for ler, depois vem me contar o que achou 😉 Beijos!

Comentários no Facebook

%d blogueiros gostam disto: