Avaliação: 4/5 Editora: Arqueiro, Cortesia Gênero: Romance de época, RomanceISBN: 9788580412383 Publicação: 2014 Páginas: 304 Skoob

A série de romances históricos Os Bridgertons conta a história de uma tradicional família inglesa, composta por oito irmãos. Cada livro conta a história de um deles. O primeiro, O Duque e Eu, fala sobre Daphne Bridgerton. E no segundo, O visconde que me amava, conhecemos Anthony. Em Um perfeito cavalheiro, a autora nos apresenta a história de Benedict, o segundo da linhagem, em uma releitura do conto da Cinderela.

Sophie, filha bastarda do conde de Penwood, nunca esteve em destaque na alta sociedade da época. Apesar de os criados e conhecidos souberem quem ela realmente era, a sua verdadeira história nunca veio a tona. Quando tinha três anos, foi levada pela avó para ser criada pelo conde, que, sentindo-se responsável pela menina, deu tudo que era necessário para sua criação, desde moradia até aulas particulares. Apesar de sentir falta do afeto do pai, ela levava uma boa vida, até que, quando o conde morre, inesperadamente, sua vida muda drasticamente.

Quando a nova mulher do conde foi com suas duas filhas Rosamund e Posy morar em Penwood Park, Sophie já havia percebido que deveria ficar longe das três. Entretanto, quando seu pai morre, ela é transformada em empregada, sendo quase escravizada.

Perto dali, a família Bridgerton também enfrentava seus próprios dilemas. Já fazia um tempo que nenhum membro da família se casava, peso esse que recaía todo sobre Benedict, já que ele era o filho mais velho que ainda estava solteiro. O que ele não esperava é que, em um baile de máscaras ofertado pela mãe para que conhecesse algumas mulheres solteiras da temporada, ele iria se encantar por uma moça bem misteriosa.

Sophie, que havia ido ao baile escondida da madrasta, também não esperava conhecer e se apaixonar logo por Benedict,  quem ela conhecia por tanto ter lido sobre nas Crônicas de Whistledown. Entretanto, ela sabia que não deveria se deixar levar e, antes da noite se desenrolar, quando o relógio bateu meia-noite, ela teve de voltar às pressas pra casa.

Três anos depois Sophie e Benedict se reencontram, em uma situação totalmente diferente. Apesar de o primeiro encontro ter deixado grandes marcas nos dois, quando enfim se veem novamente, Benedict não a reconhece. E é a partir daí que a história realmente passa a acontecer.

Como nos dois primeiros livros da série, Um perfeito cavalheiro traz um misto de sentimentos. A leitura é muito leve e gostosa, com pitadas de humor e ironia. Além do romance em si, é possível notar a crítica que a autora faz sobre a hipocrisia da época (e que nos dias atuais ainda persiste), o típico “faça o que eu digo e não o que eu faço”.

Adorei a protagonista Sophie, que se mostrou íntegra e fiel a seus ideais do começo ao fim do livro. Me identifiquei bastante com ela nesse ponto. Quanto ao Benedict, confesso que suspirei em muitos trechos do livro, mas também fiquei brava com algumas propostas feitas por ele e senti raiva com o quão cego ele era ao não ver e ignorar a amada, que estava bem diante de seus olhos, só por não vir de família tradicional.

Um perfeito cavalheiro chegou a me causar reações físicas. Senti um aperto no peito toda vez que parecia que as coisas nunca iriam melhorar para Sophie. Felizmente, tudo se resolve, apesar de o fim ser meio corrido. Além disso, o que também me decepcionou um pouco foi o fato de a autora quase não ter mencionado os casais dos primeiros livros. Esperava encontrar um pouco mais de Anthony e Kate e Simon e Daphne.

A edição do livro está bem bonita. É sempre bom quando as editoras seguem a mesma linha para todos os livros de uma mesma série. Acho que, dos três, essa é a capa mais bonita, pelo tom de azul, cor que gosto muito. As folhas são amareladas e de boa qualidade. A diagramação também está muito boa. Durante a leitura, encontrei um ou dois errinhos, mas que passam quase despercebidos.

Para concluir: o livro é um ótimo entretenimento! Para quem gosta de histórias românticas, engraçadas e gostosas de ler, é uma ótima pedida. O quarto livro da série (serão oito), Os Segredos de Colin Bridgerton, será lançado ainda este ano e pretende seguir a linha e ser muito bom. Para atiçar ainda mais a nossa curiosidade, a autora já coloca um embate no terceiro livro entre ele e a protagonista do próximo volume! Para ajudar um pouquinho, ou piorar a situação, a editora disponibiliza no fim do livro o primeiro capítulo do próximo.


Conheça os outros títulos da série Os Bridgertons:

1. O duque e eu  (2013)

2. O visconde que me amava (2013)

3. Um perfeito cavalheiro (2014)

Sobre o autor
Camila Tebet
Camila Tebet

Camila Tebet, 24 anos (05/06) – Paraná
Jornalista, tem a literatura como uma de suas paixões. Acredita que os livros têm o poder de transformar e falar sobre essa arte é um de seus passatempos favoritos. Entre os seus livros favoritos estão “Harry Potter” (é claro), “Na Natureza Selvagem”, “Orgulho e Preconceito” e “A Menina Que Roubava Livros”. Também é apaixonada por séries, cinema e fotografia. Escreve também para o site www.expressocultural.com.



Deixe uma resposta

  1. quarta-feira, 5 de Março de 2014.

    Que historia bonita ;(
    Gostei muito e vou ler pois estou procurando ultimamente uma leitura leve. Gostei da crítica a hipocrisia da época. Sei que até hoje em dia persiste porém nessa época era realmente algo muito gritante! adorei 😉

  2. terça-feira, 18 de Março de 2014.

    Adorei a ideia da releitura, principalmente levando em conta a época em que é narrado o livro.
    Gosto quando o autor inclui críticas, e juntando tudo que você citou, vejo uma ideia que foi muito bem colocada em prática. Já quero ler, pena que ainda não tive contato com nenhum livro da série.

    Abraços, Mallú Ferreira
    semclichesporfavor.blogspot.com

  3. segunda-feira, 24 de Março de 2014.

    A série de romances históricos Os Bridgertons parece ser bem legal, ainda não li nenhum, mas tenho bastante vontade! Pela resenha parece ser boa mesmo, quero muito ler um dia.

  4. segunda-feira, 31 de Março de 2014.

    como eu queroooooo esse livro!!!

    que resenha linda, não vejo a hora de ler a hora de ler o 3 romance dessa serie maravilhosa… até agora só li o volume 1 '' O Duque e Eu'' .

Comentários no Facebook

%d blogueiros gostam disto: